Reserve Agora logo

Botswana – Uma experiência incrível na África

Fernanda Fontes| Set 18, 2012 | O que fazer

Nesse post, nossa querida amiga e leitora Fernanda Fontes descreveu, de forma muito especial, a sua experiência na África. No Botswana, conheceu o Delta de OkawangoChobe, e na pausa dos safáris, perdeu o fôlego ao ver as cataratas de Victoria Falls! Lindo texto Nanda.

Merci beaucoup!!!

“Difícil descrever a emoção que senti no primeiro dia de safári em Botswana. Um sentimento de impotência diante da magnitude da natureza que estava diante de mim, uma emoção que me fazia sentir parte de um todo muito maior.

Optamos por lugares inóspitos, de difícil acesso e pouco explorados.

O primeiro destino foi o Delta de Okawango.

Para acessar ao nosso lodge, tínhamos que pegar o Mokoro, um barco construído pelos habitantes locais. Chegamos ao anoitecer, jantamos e dormimos.


(Mokoro @Okawango Delta)

No amanhecer fui acordada por um barulho estranho, saltei da cama e logo me deparei com uma grande tromba e um olhar doce com cílios enormes. Havia um elefante há dois metros da minha cama…lindo e calmo. Em Okawango é assim…Os lodges não têm proteção de grade, os animais se aproximam, afinal, estamos na casa deles….

Optamos por duas experiências diferentes: o walking safári, onde andávamos à procura de animais, e o game drive em um jipe.

No primeiro, um guia local se adapta às necessidades dos seus clientes. Como eu tenho um espírito de Jane e porque, na infância, assisti milhares de vezes o filme “Sheena, a rainha das selvas”, andávamos por horas para achar a maior diversidade de animais, caminhando calmamente, nos aproximávamos de leões, elefantes, hipopótamos, sem carro, sem pistolas, apenas nós, humanos, defendidos pelo conhecimento, técnica e experiência do nosso querido Kitzo, o guia local que nos acompanhou nessa empreitada.

Parece loucura? Ele tem mais de 30 anos de vida na selva e pelo menos 15 como guia em Okavango. Ele sabia tudo, absolutamente tudo sobre os animais, mas, o mais importante, ele sabia das suas deficiências.

Como ninguém é de ferro, depois de horas andando, chegávamos nos lodges e encontrávamos todo o conforto. Os pratos deliciosamente preparados e muita fartura!

Em seguida fomos à Chobe, dessa vez para o game drive. Agora podíamos chegar muito mais perto dos animais. Víamos todos eles com facilidade, ao ponto de sermos atropelados por girafas, elefantes, hienas, e empalas. Foi um encanto!


(Pôr do sol @Chobe)

Depois de dois safáris, faça uma pausa. Vc vai precisar. Aproveitamos para conhecer Victoria Falls, uma das maravilhas do mundo. Imperdível o vôo de helicóptero para ver as cataratas do alto.

Em Victoria Falls, eles oferecem muitos passeios. Alguns turísticos demais (parque dos crocodilos, montar em elefantes…). Depois de ver a vrai nature, quem vai querer ver homens dando comida na boca de crocodilo? Afinal…estamos na áfrica, não em Bush Gardens!

Dicas de Hospedagem em Botswana:

Hotel em Okavango Delta:  Vumbura CampKwetsani CampOddball`s Enclave

Hotel em ChobeZarafa CampElephant Valley Lodge

Hotel em Victoria FallsVictoria Falls Hotel

 

Outras Dicas:

Ficar em lodges muitíssimo perto da reserva para não perder tempo com o trajeto.

Não passar mais do que duas noites em cada lodge

Se vc for viajar em agosto deve-se levar roupa de muito frio!!!!

Poderia dizer repelente, mas tem mais mosquito no Marais em Paris do que na África em agosto!

Victoria Falls pode ser vista da Zâmbia e de Zimbabwe. A vista da catarata do lado de Zimbabwe é mais bonita, mas tem gente que opta por ficar na Zâmbia pelas questões políticas que Zimbabwe tem enfrentado”.

E então? Gostou das dicas da nossa querida viajante Fernanda Fontes? O Voali amou!!!

Tags:

Comentários

Deixe uma resposta