Reserve Agora logo

Como chegar em Capri na Costa Amalfitana

Priscila Reis| Jun 18, 2018 | Como chegar

Como chegar em Capri na Costa Amalfitana? Essa é uma das perguntas que as pessoas mais fazem quando estão planejando uma viagem para essa região da Itália. E embora possa parecer complicado chegar à ilha de Capri, é super rápido, barato e faz parte da rotina dos locais e turistas que estão no sul da Itália. Sair de barco para curtir as ilhas italianas do Mediterrâneo como Capri, Ischia, Sicília e Sardenha está dentre os passeios mais desejados por aqueles que pretendem curtir o verão europeu. E diante disso, há um forte aparato turístico para dar esse apoio.

A ilha de Capri fica a cerca de 40 km da Costa, partindo de Nápoles ou 20km, partindo de Sorrento. Das principais cidades da Costa Amalfitana, sobre as quais falei no post Onde ficar na Costa Amalfitana: melhor cidade para se hospedar, partem barcos para a Costa Amalfitana. São os famosos ferrys e a passagem custa uma média de 20 euros por pessoa cada trecho.

Vale registrar que há uma quantidade maior de ferrys partindo pela manhã, normalmente a cada meia hora ou quarenta minutos, e à medida que vai chegando a tarde, os ferrys vão espaçando mais, partindo de hora em hora ou até um pouco mais. Ah…lembre de chegar um pouco antes do horário que pretende embarcar, pois costuma ter muitas filas na alta estação, mesmo no final de maio quando fomos!

Se pretender fazer um bate volta, dentro de um Roteiro de 1 dia em Capri (leia nosso post), vale a pena sair cedinho, e pegar os primeiros ferrys da manhã. Acredite..quanto mais horas você tiver na ilha de Capri, melhor! Senão corre o risco de você chorar quando chegar a hora de partir!

Continuando a explicação sobre como chegar em Capri, você pega os ferrys tranquilamente nas marinas (portos) de Nápoles, Sorrento, Positano e Amalfi, que são as cidades com mais volume de gente na Costa Amalfitana. Se estiver em Nápoles, vá para a marina “Calata di Massa” para os ferrys mais lentos e mais baratos, ou para a “Molo Beverello” para os ferrys mais rápidos. Em Sorrento, você deverá comprar os bilhetes e embarcar na “Marina Piccola”. Já em Positano e em Amalfi, o embarque acontece nas marinas que ficam bem no centrinho dessas cidades.

Os ferrys são embarcações relativamente grandes, com estabilidade, e como no verão europeu o mar costuma estar calmo, não bate nada e a viagem é bem tranquila. Além de tudo, tem cadeirinhas para você viajar confortavelmente, banheiros e serviço de bar nos ferrys. Se estiver, contudo, à procura de um transporte mais exclusivo, você pode contratar barcos privados para fazer esse passeio, e irá encontrar diversas opções de empresas no mesmo local onde se pega os ferrys. Não se preocupe em agendar tudo antes, ainda no Brasil, pois você seguirá o fluxo de gente que sempre vai para as marinas para pegar os ferrys. Afinal, esse é, inclusive, o melhor meio de se locomover por toda a Costa Amalfitana, indo de uma cidadezinha para a outra, e não só para Capri. Mesmo assim, vale a pena dar uma olhada nos horários descritos no site www.capri.com para ter uma idéia.

Chegando lá, verá que o esforço (que nem foi tão grande assim), terá valido a pena, pois a ilha de Capri é fantástica. E se me perguntar se vale a pena fazer esse bate e volta de 1 dia em Capri, digo que sim mil vezes, mas é claro que se você puder ficar hospedado lá, a experiência vai ser completa e maravilhosa! Quero muito voltar para ficar uns dias por lá pois fiquei com gostinho de quero (muito) mais!

Se você perdeu a nossa viagem para a Costa Amalfitana em maio/junho de 2018, olha lá no nosso insta @voaliviagens que tem muita dica legal!

E então? Achou útil o nosso post sobre como chegar em capri? Tem algum comentário a fazer ou algo a acrescentar? Escreva pra gente!

Tags:

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *